Home / Papai / Comportamento / Pai: Como estreitar relação com filho ou filha

Pai: Como estreitar relação com filho ou filha

O pai moderno é mais participativo e se preocupa em como estreitar relação com filho ou filha para expressar melhor seu amor e carinho pelos herdeiros. Muitos homens não conseguem demonstrar afeto pelo filho por não terem recebido esse carinho do seu próprio pai ou por não saberem como agir.
Confira abaixo algumas atitudes e comportamento que podem lhe ajudar nesse processo de se aproximar dos filhos.

Como estreitar relação com filho ou filha
estreitar relação com filho ou filha

Gerencie o seu tempo

Trabalho, estudos, chope ou futebol com os amigos, filhos, esposa, pai, mãe, sogros, lazer, ócio…. nossa, parece impossível ter tempo para conciliar todos os planos e não deixar ninguém de fora! Realmente gerenciar o seu tempo para que nada fique descoberto é muito difícil, mas depois que você tem filhos é importante você ter consciência de que terá que fazer escolhas e priorizar novas “tarefas” em seu dia.
Geralmente o trabalho é o que mais toma tempo na vida do homem, porém a sua família deverá ganhar uma boa fatia também. E não estamos falando em horas, mas em qualidade. Faça um teste:
– anote durante 1 semana o tempo que você se dedicou aos seu filhos. Não vale colocar o tempo em que eles estavam com você na sala assistindo desenho, futebol ou jornal, anote somente o tempo que você dedicou 100% às crianças. Certamente no final da semana você ficará surpreso.
Lembre-se sempre que a qualidade do tempo é fundamental e, quando se propuser a ficar com seus filho, deixe de fora o celular, jornal, computador, televisão e outras distrações.

Quanto antes melhor

Formar laço com seus filhos quando são pequenos é fundamental. Participe, troque fralda, dê banho, faça dormir, brinque, dê colo, faça carinho e se interesse sempre por suas histórias. Se chegar do trabalho e seu filho estiver acordado, aproveite para tomar banho junto enquanto pergunta como foi o seu dia. Inventem músicas, danças e cumprimentos.
Se eles estão crescidinhos, também não há desculpa para não se aproximar. Inclua os pequenos em suas atividades:
se você vai trocar uma lâmpada, peça ao seu filho para ajudar segurando a escada;
se vai lavar o carro em um dia quente, convide-o para participar e estenda o programa para um banho de mangueira.
se vai ao supermercado, convide para ir junto e ajudar a escolher o sabonete mais cheiroso.
As possibilidades são infinitas, basta ser criativo. Claro que sua tarefas demorarão mais tempo para serem finalizadas, mas é um preço muito pequeno quando se trata de estar com os filho, não é mesmo?

Elogiar é uma forma de educar com amor

Muitos pais das gerações passadas se concentravam mais em repreender as atitudes consideradas erradas e se esqueciam de elogiar as boas ações, e este é o primeiro passo para ficar próximo ao seu filho, elogiando e mostrando o quanto você se orgulha dos acertos dos pequenos. Salientar que o esforço e dedicação são os maiores aliados do sucesso também é fundamental, assim além de sentirem mais seguros para tentar novamente quando as coisas ainda não derem certo, eles estarão se preparando para desafios futuros, seja na escola, trabalho ou mesmo em realizações pessoais.
Não quer dizer que não pode repreender seu filho, dizer que ele está errado também é fundamental, porém nunca se esqueça de que o elogio também deve estar presente na relação de vocês.

Reavalie suas expectativas

Quando seu filho nasceu você pode ter criado expectativas fantásticas para o seu futuro, porém nem sempre é o que o seu filho quer para a sua própria vida. Ajude-o a planejar o seu próprio futuro, lembrando sempre que o importante são as metas dele e não as que você sonha para ele. Se perceber que as metas do herdeiro são inatingíveis ou mesmo distorcidas, é hora de conversar e orientar, mostrando um outro ponto de vista, porém sem impor suas vontades.

Descubra interesses em comum

Você adora esportes, mas sua filha não. Ou então seu filho prefere muito mais uma corrida de carros do que uma partida de futebol. Nessas horas caberá a você descobrir alguma área de interesse, ou então se esforçar um pouco mais e tentar se interessar por alguma coisa que seu filho ou filha goste. Poderá despertar em você um novo gosto e ótimos momentos de papo ou eventos com seus filhos.
Se você tem uma filha, fique tranquilo porque o mundo das meninas não se resume a bonecas e boy band, elas também podem se interessar por passeios de bicicleta, cinema, teatro, videogame, acampamento…

A atitude para estreitar relação com filho ou filha é estar presente, é ser presente, é se interessar e incentivar sempre.

Sobre Almanaque dos pais

Conteúdo produzido pela equipe do Almanaque dos pais.

Veja também

Malu-Moletom-e-o-Gigante

Campanha do agasalho 2016: O que você vai fazer com as roupas que não servem mais para seus filhos?

A campanha do agasalho 2016 apresenta a Malu Moletom, conheça essa história dessa menina e, na sequência, tenho uma proposta para você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.