Home / Papai / Comportamento / Só para os homens: O sexo após o nascimento dos filhos

Só para os homens: O sexo após o nascimento dos filhos

Foto: Valeer Vandenbosch
Foto: Valeer Vandenbosch

Quando nasce o primeiro filho do casal não é só o seu status que muda para “papai”, essa alteração vai interferir em toda a sua vida. Aparecem novas obrigações, novas preocupações, novas descobertas e um mundo de novidades que incluem virar um babão, conhecer marcas de fralda, ter certeza que seu filho(a) é o mais lindo(a) e sapeca do mundo e um milhão de sentimentos novos que só um pai conhece.

Como nem tudo é uma maravilha, as responsabilidades aumentam, você tem um filho que é completamente dependente e uma mulher que precisa não só de sua ajuda, mas de carinho e compreensão todos os dias.

É comum que alguns atritos ocorram a fim de ajustar o papel dos pais nessa nova fase, mas lembrem-se que vocês estão nessa juntos, ambos querem uma família feliz. Para que isso ocorra além de pensar no filho você também precisa focar no relacionamento do casal, e a primeira etapa é entender que nem tudo está na cabeça, mas também no corpo do homem e da mulher.

Libido em baixa:

Libido masculina
É sabido que a testosterona, responsável pela libido tanto do homem quanto da mulher, é produzida em menor escala nos homens casados. Talvez essa seja a razão pela qual você não sente mais aquela vontade insaciável de fazer sexo.
Libido feminina
Se a sua mulher ainda está no período de amamentação, o hormônio responsável pela produção de leite, a prolactina, interfere na produção da testosterona diminuindo a libido da mulher.

Como agir:

Geralmente a alta da mulher ocorre de 40 a 60 dias após o parto, porém nem sempre a mulher se sente preparada para uma penetração, seja por sensibilidade ou por fatores emocionais. Invista em carícias e toques. Abraços, carinhos, beijos, tudo que envolve o toque aumenta a produção de testosterona no casal. Consequentemente a libido voltará, em alguns casos rapidamente e em outros mais lentamente.

Quem não está animado para ter relações sou eu

Apesar da fama de que o homem gosta mais de sexo do que mulher, em um casamento nem sempre é assim que funciona. Como dito acima, homens casados produzem menos testosterona e consequentemente a libido é afetada.

Como agir:

A boa notícia é que a solução é simples e prazerosa: Fazer sexo!
Exatamente, sexo é viciante, quanto mais você faz, mais seu corpo quer e melhor fica. Aproveite a deixa e pratique.

Auto confiança da mulher em baixa

Após o parto a mulher se depara com um corpo muito diferente do que ela gostaria, com alguns quilos a mais, flacidez na barriga, seios enormes, pés inchados, olheiras por noites sem dormir direito e, para ajudar, como a dedicação ao bebê consome grande parte do dia, ela mal tem tempo para se arrumar ou sair, então acaba ficando descabelada, com roupas largas (que facilitam a amamentação) e zero de maquiagem, cremes ou unhas pintadas.

Como agir:

O papel do homem para melhorar esse quadro é dizer o quando ama sua mulher, o quanto ela é bonita e incentivá-la a colocar uma roupa que você gosta, fazer uma maquiagem especial para vocês jantarem juntos, mesmo que em casa, enfim, resgatar a vaidade da mulher sem desmerecer todo esforço dedicado para o bem estar do bebê.

Filho que dorme no quarto do casal

O próprio tópico já é obvio, mas vamos reforçar: Se o filho dorme no quarto do casal, mesmo que em outra cama, é impossível se deixar levar pelos momentos de excitação. Essa atitude pode acabar com a intimidade do casal.

Como agir:

A criança deve, desde sempre, dormir em seu próprio quarto. É saudável para o bebê que aprende a ser mais independente e para o casal que mantém sua privacidade e até mesmo conversas noturnas.

Minha mulher me deixa para segundo plano

Com a chegada do bebê é esperado que na maior parte do tempo a mulher se dedique ao bem estar da criança. Porém se não está sobrando nenhum tempo para o casal é hora de conversar com sua esposa. Mas lembre-se, quanto menor a criança, mais tempo ela precisará junto à mãe para ser alimentada, mas a higiene (troca de fraldas, banho..) e carinhos podem ser divididos entre o pai e a mãe. O pai deve participar dessas necessidades do filho para aumentar o vínculo entre pai e filho e deixar a mamãe mais descansada para investir sua energia também no relacionamento.

Como agir:

Tente dividir algumas tarefas como trocar fralda, dar banho, fazer dormir, ou até mesmo levantando de madrugada para pegar a criança para mamar e levar de volta ao berço.
Converse com sua mulher sobre terem um tempo para vocês, pode ser alguns minutos por dia e, se a criança já é maiorzinha, tentar deixar com os avós, padrinhos ou uma babá para vocês curtirem um cineminha, jantar fora e, quem sabe, algo mais.

Sexo em doses semanais

Por mais que você ou sua parceira não estejam muito animados, o sexo é um fator importante na intimidade do casal. Para que ele não seja deixado de lado tente praticar ao menos 1 vez por semana. Para alcançar essa meta, invista em rapidinhas, além de liberarem um pouco de adrenalina, são ótimas para deixar um gostinho de quero mais.

Como agir:

mulher sexy02Seja pela manhã antes das crianças acordarem, durante o cochilo da tarde ou após adormecerem, invista em algumas carícias. Se as crianças forem maiores não tem como rolar em todos os cômodos da casa, mas com certeza vocês darão um jeitinho.
Uma forma de carinho que desperta as mulheres é massagem. Comece por cima da roupa e com o tempo vá tirando peça por peça.

Vocês não precisam chegar sempre na penetração para sentirem prazer, o sexo e muito mais do que a penetração em si, é a estimulação dos sentidos, é se conectar com sua parceira e conhecer suas preferências.
Com filhos você precisará se acostumar com algumas interrupções: choros, crianças batendo na porta do quarto… mas leve tudo com bom humor e não perca as oportunidades!

Sobre Almanaque dos pais

Conteúdo produzido pela equipe do Almanaque dos pais.

Veja também

Malu-Moletom-e-o-Gigante

Campanha do agasalho 2016: O que você vai fazer com as roupas que não servem mais para seus filhos?

A campanha do agasalho 2016 apresenta a Malu Moletom, conheça essa história dessa menina e, na sequência, tenho uma proposta para você.

Um comentário

  1. eu e minha esposa sempre arrumamos um jeito de fazer amor,principalmente depois do almoço com os filhos em casa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.