Home / Colunistas / Dra. Daniela Barbosa / A voz na adolescência, mudanças na voz de meninos e meninas.

A voz na adolescência, mudanças na voz de meninos e meninas.

Seu filho está na puberdade? Entenda quais são as mudanças na voz de meninos e meninas.

A adolescência consiste no período de transição entre a infância e a idade adulta que, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) ocorre no período dos 10 aos 19 anos de idade. É uma etapa de crescimento e desenvolvimento do ser humano, marcada por grandes transformações físicas (a chamada puberdade), emocionais e sociais.

Foto: Reprodução Wikipedia
Foto: Reprodução Wikipedia

De acordo com Reato e colaboradoras (http://www.tele.medicina.ufg.br/files/palestras-material/Manual_do_Adolescente.pdf), a puberdade é constituída pelos seguintes marcos:

  • crescimento físico: aceleração, desaceleração, até a parada do crescimento (2o estirão);
  • maturação sexual: desenvolvimento dos órgãos reprodutores e aparecimento dos caracteres sexuais secundários, como os pelos nos meninos e as mamas nas meninas;
  • mudanças na composição corporal; desenvolvimento dos aparelhos respiratório, cardiovascular e outros.

 

Além das visíveis mudanças no corpo dos meninos e meninas, há também mudanças internas perceptíveis, como a voz, que na infância não apresentava características distintas entre meninos e meninas, e agora passa por mudanças facilmente ouvidas, até chegar ao tom (agudo, médio, grave) que permanecerá por toda a vida, mais grave nos homens e mais agudos nas mulheres.

Vamos entender por que isso acontece!

No pescoço há praticamente dois importantes tubos: a faringe, por onde o alimento segue com destino ao estômago; e a laringe, cuja função principal é de proteção dos pulmões mas que exerce também importante papel na comunicação, uma vez que, protegidas pelas cartilagens da laringe, encontram-se as pregas vocais (popularmente conhecidas como cordas vocais). A partir da passagem do ar pelas pregas vocais há a geração da voz que segue em direção à cabeça e passa por modificações de acordo com a anatomia de cada pessoa, até ser projetada pela abertura da boca e nariz e, propagar-se pelo ar, podendo assim ser ouvida por todos.

A laringe das crianças tem anatomia semelhante nos meninos e meninas. Na puberdade, a laringe dos meninos passa por um rápido crescimento, graças à ação do hormônio testosterona, provocando o ajustes da musculatura laríngea até sua completa adaptação com pregas vocais mais longas e espessas, que passarão a vibrar de forma mais lenta e vagarosa, gerando uma voz mais grave.

Esse período de adaptação, conhecido como muda vocal, é identificado quando o menino apresenta uma variação extrema entre grave e agudo na voz, como um instrumento musical desafinado. Nas meninas, por apresentarem um crescimento laríngeo menos evidente, a mudança vocal é mais discreta. Geralmente, a muda vocal ocorre entre os 13 e 15 anos nos meninos e um pouco mais cedo nas meninas, entre 12 e 14 nos e tem duração média de 6 meses.

As alterações vocais relacionadas à muda vocal comumente podem extrapolar estes limites de duração e característica vocais observadas. Há mudas vocais que ocorrem antes da puberdade e as que se prolongam após o período de maior mudança corporal. Há também casos em que a muda vocal ocorre de forma incompleta, levando a uma mudança vocal insatisfatória, pois apesar de mais grossa, pode ainda não combinar com o tipo físico do menino.

Nestes casos, o tratamento mais indicado é a reabilitação vocal. O fonoaudiólogo poderá auxiliar nos ajustes necessários à voz, por meio de exercícios e massagens que ajustarão o posicionamento da laringe e, consequentemente, do funcionamento da musculatura laríngea, tendo como resultado uma voz agradável e em harmonia com personalidade e tipo físico da pessoa.

Sobre Dra. Daniela Barbosa

Dra. Daniela Barbosa (CRFa. 15230-2) é fonoaudióloga, mestre em Ciências da Reabilitação e especialista em Motricidade Orofacial pela USP. Professora do Curso de Fonoaudiologia da Unopar. Faz parte da equipe de As Fissuradas, no Facebook, onde mantém um diálogo aberto com as mães. Atua em consultório particular e também em centro especializado em malformações craniofaciais.

Veja também

Porque o dente permanente não nasce?

O dentinho de leite caiu já faz tempo e o permanente não nasce? Quanto antes procurar um dentista melhor, pois problemas podem estar causando este atraso...

12 comentários

  1. Oi, tenho 18 anos, minha voz é um pouco grave, comecei a fazer aulas de canto esse ano, ocorrerá mudança na minha voz até os 21 anos?

  2. Cláudio Mesquita

    Prezada Dra. Daniela Barbosa,
    Venho primeiramente, parabenizar-lhe pelo ótimo e necessário conteúdo de seu canal.
    Minha filha, tem 12 anos, canta em público desde os 05 anos, e estamos no momento fazendo planos para ela começar gravações mais profissionais em estúdio e clipes.
    Conversando com um amigo músico, o mesmo me informou que eu deveria procurar uma fonoaudióloga, pois minha filha estaria em breve iniciando sua mudança de voz.
    Pergunto-lhe: A Sra. acha tão necessário e determinante esse acompanhamento, mesmo ela sendo menina?
    A mudança de voz para ela, pode ser brusca e traumática?
    A Sra. indicaria algum site ou artigo que pudéssemos ler para nos preparamos melhor para isso?
    Eu e minha esposa somos professores de música, especificamente Canto Coral, fazemos sempre técnica vocal com ela e aquecimentos.

  3. Olá, sou professora de música e suas explicações, claras e simples ajudarão muito com meus alunos dessa faixa etária. Obrigada

  4. Olá tenho 15 anos e quando canto desafino muito e as vezes a voz fica grave e em outros momentos aguda (tanto quando canto como em conversas cotiadianas mas principalmente quando canto ) será que é normal ? Tenho de dsisistor de ser cantor ?

  5. Olá tenho 14 anos desde o inicio do ano de 2016 minha voz tá uma coisa absurda eu não falo com niguem a um ano ,eu faço aniversario no meiu do ano,mas tó assim a um ano! Minha voz tá fraca e quando eu forço ela fica grossa parece até que eu tenho duas vozes oque eu faço??

    • Oi Ruffy,
      No seu caso é interessante que procure um médico otorrinolaringologista para avaliação da sua laringe. É preciso avaliar se suas pregas vocais estão saudáveis ou com algum machucado. A partir desta avaliação o médico indicará o melhor tratamento.
      Um abraço,

  6. Oi preciso de uma ajudinha,tenho 15 anos sou uma menina,quando canto ou falo minha voz as vezes sai grave as vezes fina,mas na maior parte do tempo e grave,se essa mudanca e mais nitida nos meninos por que isso ta acontecendo comigo de uma forma tao nitida assim?

    • Olá Sidianny!
      A muda vocal é mesmo mais nítida nos meninos, porém ela ocorre com todos (meninos e meninas). Talvez por você ter mais atenção à sua voz (principalmente pelo fato de você cantar), note estas variações de forma mais acentuada.
      As variações vocais decorrentes da muda vocal devem ser passageiras. Se persistirem, sugiro que procure um médico otorrinolaringologista para maiores avaliações. Ou ainda, se estas variações estiverem te incomodando muito e prejudicando seu desempenho vocal, o trabalho conjunto entre otorrinolaringologista e fonoaudiólogo pode lhe ajudar a melhorar os ajustes vocais na fala e no canto!
      Um abraço,
      Daniela Barbosa
      Fonoaudióloga.

  7. Oi eu queria uma ajudinha aqui,eu tenho 15 anos sou menina,quando eu canto ou falo minha voz as vezes sai grave e as vezes fina,mas na maior parte do tempo e grave,se essa mudança e mais nitida nos meninos por que isso ta acontecendo comigo de uma forma tao nitida assim?

    • Olá Sidianny!
      A muda vocal é mesmo mais nítida nos meninos, porém ela ocorre com todos (meninos e meninas). Talvez por você ter mais atenção à sua voz (principalmente pelo fato de você cantar), note estas variações de forma mais acentuada.
      As variações vocais decorrentes da muda vocal devem ser passageiras. Se persistirem, sugiro que procure um médico otorrinolaringologista para maiores avaliações. Ou ainda, se estas variações estiverem te incomodando muito e prejudicando seu desempenho vocal, o trabalho conjunto entre otorrinolaringologista e fonoaudiólogo pode lhe ajudar a melhorar os ajustes vocais na fala e no canto!
      Um abraço,
      Daniela Barbosa
      Fonoaudióloga.

  8. Depois da Adolecencia a Voz fica melhor tipo com mais potencia ? por que eu canto muito desde pequeno e quando fiz 13 pra 14 minha voz engrosso muito mesmo e nao consigo mais fazer o que eu fazia antes .. só queria saber se depois da adolecencia a voz pode afinar um pouco ?

    • Daniela Barbosa

      Oi Julio,
      Ao final do período da adolescência e início da fase adulta, a voz do homem permanece grave, e já com os ajustes da musculatura do pescoço que já se adaptou ao período de maior desenvolvimento da laringe.
      É possível aumentar extensão vocal (para que se alcance novamente os agudos) da voz masculina a partir de exercícios vocais específicos!

      Atenciosamente,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.