Home / Papai / Saúde / Infertilidade / Varicocele – o que é, as causas, os sintomas e os tratamentos

Varicocele – o que é, as causas, os sintomas e os tratamentos

homem tristeÉ principal causa da infertilidade masculina, atingindo entre 35% e 45% dos casos.

Calcula-se que 15 a 20% da população masculina tenha varicocele e, apesar de estar ligada a muitos casos de infertilidade ela não causa impotência sexual.
Em muitos casos uma cirurgia poderá reverter o quadro de infertilidade.

O que é varicocele

Também conhecida como varizes do testículo, é a dilatação das veias do escroto, onde ficam alojados os testículos. Essas veias fazem parte do cordão espermático, ou seja, a estrutura que suspende os testículos. Com a insuficiência de drenagem sanguínea na região, há um acúmulo de sangue e a dilatação da veia. Outra consequência é que, com o acúmulo de sangue também há o acúmulo de algumas substâncias nocivas na região.
O diâmetro normal dessas veias é entre 0,5 e 1,5mm, porém a dilatação faz com que elas atinjam mais do que 2mm, especialmente ao realizar esforço físico.

Como e quando ela se desenvolve

A varicocele se desenvolve de forma lenta e é mais comum entre homens de 15 a 25 anos. O lado esquerdo, por razões anatômicas, é o mais afetado.
Em homens mais velhos ela ocorre, na maior parte dos casos, devido a algum tumor na renal, que pode afetar o fluxo sanguíneo da região, também afetando na maioria dos casos o lado esquerdo.

Cuidado ao praticar musculação

Ao levantar peso em excesso, a fim de ganhar músculos em pouco tempo, a carga pode ser maior do que a suportada pelo homem, especialmente os adolescentes, aumentando o risco de desenvolver a varicocele.

Porque a varicocele causa infertilidade

Os testículos não ficam alojados internamente no corpo masculino para alcançar a temperatura adequada para a produção e espermatozoides que é entre 1,5° e 2° abaixo da temperatura corporal.
Com a varicocele há um acúmulo de sangue em volta do testículo, provocando o aumento da temperatura deste e, assim, prejudicando a produção e qualidade dos espermatozoides.

Como diagnosticar

Muitos homens só descobrem após uma investigação de possível infertilidade. O diagnóstico ocorre através de exame clínico e pode ser confirmado após o exame de ultrassom da região.
Em alguns casos ela causa desconforto ou mesmo dor na região do escroto, além de alteração estética.
Em casos mais graves é possível notar a redução do tamanho do testículo além de mais mole.

Tratamento

Em casos mais simples, em que a varicocele é assintomática, não causa infertilidade e aparece durante esforço físico, pode ser indicado o uso de um suspensório escrotal durante a atividade física, ou medicamento oral.
Nos casos de infertilidade a cirurgia, conhecida por varicectomia, poderá ser indicada. Ela pode ocorrer de duas formas:
– Utilizando um microscópio, a cirurgia é feita através de duas incisões na virilha. O tempo médio é de 45 minutos de cada lado e muitas vezes o paciente não precisa ficar internado.
– Outra opção é a cirurgia laparoscopia, porém é menos utilizada por ser mais invasiva e com menor resultado para a maioria dos casos.
Em poucos dias o homem pode retomar suas atividades normais e após alguns meses deverá realizar um novo espermograma para verificar a eficácia do procedimento cirúrgico.

Ao notar qualquer alteração ou desconforto no testículo procure um urologista.

Sobre Almanaque dos pais

Conteúdo produzido pela equipe do Almanaque dos pais.

Veja também

azoospermia

Homem com azoospermia pode ter filhos?

Azoospermia é a ausência de espermatozoides no esperma. Se trata de um caso de infertilidade masculina severa. De forma natural não é possível ter filhos...

2 comentários

  1. Edson Joaquim Fernando Nharote

    Tenho 32 anos de idade, Sofre uma cirurgia da varicocele (varicectomia) em Outubro do ano passado ja fiz exames (espermatograma) de controle por duas vezes e o resultado não mudou. será que ainda vou a tempo de recuperar a fertilidade?

    • Almanaque dos pais

      Tudo bem Edson?
      Após a cirurgia da varicocele entre 40 e 50% dos homens ocorre uma melhora na qualidade dos espermatozoides. O tempo para avaliar os resultado varia entre 3 a 6 meses. Casais que não recuperam a fertilidade em 1 ano após a cirurgia, podem se submeter à fertilização in vitro ou inseminação intrauterina para engravidar.
      Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.