Home / Colunistas / Dra. Taila Billa / Caiu e o dentinho entrou na gengiva? Saiba sobre a intrusão de dentes decíduos

Caiu e o dentinho entrou na gengiva? Saiba sobre a intrusão de dentes decíduos

Caiu e o dentinho entrou na gengiva? Saiba sobre a intrusão de dentes decíduos

Reprodução: http://mispediatrasenlared.blogspot.com.br/

Reprodução: http://mispediatrasenlared.blogspot.com.br/

Que crianças caem o tempo todo não é novidade, com direito a choro dos pequenos e desespero dos pais que muitas vezes não sabem o que fazer.

As lesões traumáticas devem ser consideradas sempre como uma emergência e tratadas imediatamente para diminuir a dor e melhorar o prognóstico.

Em primeiro lugar, vamos lembrar de manter a calma e limpar o lugar, pois a boca é ricamente vascularizada e qualquer queda pode resultar em muito sangue no local da batida. Um copo de água gelada ou cubinhos de gelo enrolados em um pano limpo podem ajudar a diminuir a dor e o sangramento, e você poderá identificar a extensão da lesão.

No caso da luxação intrusiva ou intrusão, o dentinho se desloca para dentro do osso alveolar (em direção a gengiva) e pode ser observada desde uma discreta alteração de posição até a completa ausência do dente na cavidade bucal.

Se isso acontecer com seu filho, mantenha a calma e procure um dentista imediatamente para que ele possa realizar o exame clínico e radiográfico com a finalidade de avaliar a extensão da intrusão e as áreas e dentes afetados pelo trauma, pois a grande preocupação são os dentes permanentes que estão se formando logo acima da raiz dos decíduos.

Tratamento imediato:

– Dente decíduo intruído contra o permanente ou COM ruptura óssea em direção ao lábio com exposição da raiz: radiografia + extração do dente.

– Dente decíduo intruído contra o permanente SEM ruptura óssea ou exposição da raiz: raio X + acompanhamento da reerupção + medicação.

Tratamento tardio:

– Dente decíduo intruído contra o permanente ou COM ruptura óssea com exposição da raiz por vestibular: radiografia + extração do dente.

– Dente decíduo intruído contra o permanente SEM ruptura óssea ou exposição da raiz: radiografia + acompanhamento da reerupção + medicação (se necessário).

Em casa, evite deixar o seu filho morder alimentos duros ou brinquedos com o dente, suspenda o uso de mamadeira e/ou chupeta e higienize bem a região.

Cada caso é um caso e deve ser tratado como tal, sendo ACOMPANHADO A LONGO PRAZO COM EXAMES CLÍNICOS E RADIOGRÁFICOS, pois pode ocorrer sequela pós trauma, como por exemplo:

– Alteração de cor = o dente pode escurecer.

– Morte pulpar = quando o dentinho morre e precisa de tratamento de canal.

– Anquilose = após reposicionar, o dentinho pode “unir-se” ao osso.

– Reabsorver mais rápido a raiz e ficar “molinho”.

– Dente permanente = dependendo do estágio de formação, ele poderá sofrer alteração na sua forma, cor e até mesmo na sua estrutura.

Normalmente o dentinho intruído “nasce” (reerupciona) novamente em até 6 meses após o trauma, mas alguns casos precisam de tratamento de canal ou até mesmo a extração do dente.

Sobre Dra. Taila Billa

Dra. Taila Billa é dentista especialista em ortodontia com aperfeiçoamento em cirurgia bucal. Atende em consultório próprio na cidade de Taubaté - SP. Contato: (12) 3026-8789.

Veja também

Porque o dente permanente não nasce?

O dentinho de leite caiu já faz tempo e o permanente não nasce? Quanto antes procurar um dentista melhor, pois problemas podem estar causando este atraso...

10 comentários

  1. Ola, a minha filha caiu qnd tinha dois anos e entrou o dente dela, em sp estava com uma dentista que disse pra acompanhar, tirou raio x e ok, mudamos para o rj continuei acompanhando e tava ok, disse que iria descer… mas acontece que ela ja vai fazer 5 anos e nada, eu sinto que o dente sobe mais e mais…. e agora so da uma pontinha… acontece que a dois meses fui na dentista e ela continuou dizendo que tava ok, tirou raio x e tudo… estou indo embora do pais nesse domingo e agora fiquei preocupada que durante a escovacao vi que tava mais dentro ainda… e normal?

  2. Bruna Azevedo

    olá meu filho caiu da cama na sexta a noite e entrou os tres dentinhos da frente na gengiva, entrou tanto que da pra ver so as pontas do dentinho dele, ele tem 2 anos e 4 meses…levei ele na dentista dele ela disse que não pode fazer nada devido a isso e que com o tempo o organismo dele vai empurrar o dente pra fora da gengiva, ainda esta muito inchado então estou esperando completar uma semana para fazer outro raio x, os dentinhos dele vão voltar para o lugar ou vão cair ?

  3. Oi Talia, tdo bem?
    Olha ontem meia-noite em ponto minha filha de 3 anos caiu e bateu a boca no chao, consegui limpar e tudo, a acalmei e coloquei na cama e ela dormiiu, mas ela acordou duas vezes, 1:44 e dormiu rapidamente e depois 2:45 e so dormiu 4:00 todas esse tempo de choro e agonia, ela dizendo que o dentinho dela ia cair e tudo mais, e enquanto ela falava pude perceber que a gengiva ainda estava sangrando e que um dentinho entrou um pouco na gengiva.. To muito preocupada, pois ela costuma mamar a noite e nao conseguiu e ela me disse que esta com fome, vou tentar dar um pouco de leite pra ela.. O que eu faço?

    • Boa tarde Ana,

      Casos de intrusão fico preocupada com o dente permanente em formação e por isso aconselho a procurar um dentista para avaliar radiograficamente a relação da raiz do decíduo com o permanente.
      Para ajudar na dor, evite alimentos duros, mamadeiras e chupetas. Alimentos gelados aliviam temporariamente a dor na gengiva.

      Beijos,
      Dra Taila Billa

  4. Thalita da Silva dos Santos

    Minha Bb tem 1 ano e 2 meses, caiu na escolinha e os 4 dentinhos da frente entraram na gengiva totalmente, gostaria saber s ela pode mamar, ela ainda s alimenta de leite materno. Ela conseguiu mamar incômodo, mas estou com medo de ser prejudicial ou até mesmo voltar sangrar . Dr pode m responder se ela pode???

    • Bom dia Thalita,

      Aconselho a procurar um dentista o quanto antes para avaliar o caso, verificar se os permanentes foram afetados ou não e indicar o melhor tratamento para sua filha.
      Em alguns casos ocorre um inchaço grande da gengiva que esconde os dentinhos, dando aparência de intrusão dentária, mas a intrusão verdadeira merece uma atenção toda especial.
      Ela deve se alimentar, mamando ou não, mas se observar que esta incômodo, doendo, tente outras opções, talvez uma sopinha batida.

      Beijos,

      Dra Taila Billa

  5. Boa tarde Dra …
    Meu bebê de 8 meses caiu a uma semana porém afetou a parte de cima a qual sangrou demais e lado esquerdo da gengiva ficou bem torto deixando essa parte da gengiva meio pendurada ….acontece no ele não tinha dentinhos nascendo em cima e agora está com dois aparecendo mais a frente deles e não a pontinha como nasceram os dois de baixo pq ?

    • Boa tarde Vanessa,

      Se a gengiva ficou pendurada, pode ser o caso de dar uns pontinhos, o que melhora o incômodo de ter uma pele solta mexendo toda hora, a sensibilidade dental no caso de exposição radicular e também a questão da estética, pois o contorno gengiival do dente pode ficar comprometido se a gengiva estiver solta ou cicatrizar de forma errada.
      Com relação à erupção, alguns dentes nascem mais rápido que outros e por terem formatos e posicionamentos diferentes, você pode notar que um dente pode mostrar um pedaço retinho e outro só uma pontinha no começo da erupção.
      Aconselho a procurar um dentista para avaliar o caso seu filho e indicar o melhor tratamento.

      Beijos,

      Dra Taila Billa

  6. Maria Nascimento

    O meu bebe caiu e partiu o dentinho, ele sempre mamou so que desde esse dia nunca mais mamou. Vai fazer 2 anos estou preocupada.

    • Boa tarde Maria,

      Essa recusa pode estar associada com alguma sensação dolorosa ao tentar mamar logo após a queda, pois o movimento de sucção exige certa força da musculatura sobre os dentes, que traumatizados, doeram.
      Se o dente foi tratado e não apresenta sensação dolorosa, é questão de explicar para a criança que mamar não irá fazer o dente doer novamente. Foi um episódio de dor porque o dente estava machucado e não é a mamadeira que causa a dor.
      Alguns dentes podem precisar de canal no período pós trauma, e neste caso podem apresentar sensibilidade ao frio e quente.
      Se o dente não foi tratado, será que não continua doendo?

      Beijos,

      Dra. Taila billa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.