Home / Gestação e parto / Complicações / Tireoide e gravidez: Qual é a relação?

Tireoide e gravidez: Qual é a relação?

Os problemas na tireoide têm uma relação direta com a fertilidade da mulher, já que os hormônios tireoideanos (HT) estão relacionados com o funcionamento do ovário. Durante a gestação, o hipotireoidismo materno pode também provocar problemas tais como o descolamento da placenta ou falhas no desenvolvimento cognitivo do feto. Por isso, é importante consultar um endocrinologista nos primeiros sinais de alterações na tireoide, que vai te ajudar a identificar o problema, além de explicar um pouco mais sobre sua relação com a gravidez.

Posso engravidar se tenho problema de tireoide?

O hipertireoidismo se não for tratado pode impedir a ovulação ou ser responsável por abortamentos. Mulheres com hipertireoidismo devem fazer o planejamento e acompanhamento da gravidez com o apoio de um endocrinologista.

Assim como no hipertireoidismo, no hipotireoidismo pode ocorrer uma disfunção na ovulação da mulher. Isto ocorre devido ao papel que os hormônios da tireoide exercem na sinergia com os demais hormônios da fertilidade afetando o correto desenvolvimento dos folículos que irão liberar os óvulos que serão posteriormente fecundados.

Como identificar os sintomas da tireoide?

O primeiro passo para identificar os sintomas da tireoide é saber que a glândula endócrina responsável pela produção do hormônio da tireoide está localizada na região frontal do pescoço e pode sofrer alterações quanto ao seu tamanho, consistência ou presença de nódulos. O segundo passo, é saber que as disfunções de tireoide existentes são: relacionadas à redução dos níveis do hormônio da tireoide (hipotireoidismo) ou ao excesso dos níveis do hormônio da tireoide (hipertireoidismo).

tireoide-e-gravidez

Os primeiros sintomas da disfunção da tireoide podem ser identificados a partir de dores no local onde está localizada a glândula. Portanto, caso tenha dores ou perceba a presença de caroços é preciso descartar o risco de problemas. Alterações no humor, do ritmo do sono, palpitações e aumento da pressão também são outros sintomas.

– Sintomas do hipertireoidismo: dificuldade de concentrar-se, aumento do apetite com dificuldade de ganhar peso, além de agitação e nervosismo podem ser sintomas do hipotireoidismo.

– Sintomas do hipertireoidismo: perda de memória, cansaço, além de irregularidades no ciclo menstrual e facilidade para engordar são alguns dos sintomas do hipotireoidismo, assim como queda do cabelo e pele seca.

Problemas de tireoide podem afetar os homens

Enquanto alterações no funcionamento adequado na glândula da tireoide podem afetar a ovulação da mulher e inclusive sua libido, no caso dos homens com transtornos na tireoide, os efeitos podem ser a redução no número de espermatozoides e disfunção erétil.

 

O exame TSH (hormônio estimulante da tireoide), que avalia o funcionamento da tireóide, normalmente é incluído no estudo geral da fertilidade do casal. Assim, se você identificar alguns dos sintomas citados anteriormente e está enfrentando dificuldades de engravidar ou mesmo planejando a gravidez, marque uma consulta com um endocrinologista e comente com seu especialista em reprodução assistida, para que os fatores endocrinológicos sejam considerados no seu tratamento com ainda mais atenção.

Você também vai gostar de ler:

Obesos ejaculam menos espermatozoides do que homens no peso ideal
Os 21 sintomas de gravidez mais comuns nas primeiras semanas
Gravidez um sonho | Depoimento de uma tentante
Não consigo engravidar: quais exames devo fazer?

Sobre Dra. Genevieve Coelho

Dra. Genevieve Coelho
Dra. Genevieve Coelho é ginecologista especialista em reprodução humana pelo Instituto Valenciano de Infertilidade (IVI), na Espanha, e especialista em vídeo cirurgia pelo Instituto São Rafael em Milão, Itália. Dirige o IVI Salvador desde sua fundação em 2009. www.ivi.net.br (71) 3014 9999

Veja também

Dor no pé da barriga na gravidez

A dor no pé da barriga na gravidez é causada principalmente pelo estiramento dos músculos da barriga, ligamentos mais relaxados, mudança postural e peso da barriga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.