Home / Gestação e parto / O que você precisa saber / Os 21 sintomas de gravidez mais comuns nas primeiras semanas

Os 21 sintomas de gravidez mais comuns nas primeiras semanas

Relacionamos os sintomas de gravidez mais comuns nas primeiras semanas de gravidez. E agora, será que você está grávida?

Identificando mais de um dos sintomas abaixo, realize um teste de farmácia (caso já tenha ocorrido o atraso da menstruação) ou de sangue, conhecido como beta-HCG. Com 10 dias de atraso menstrual você também pode realizar um exame de urina gratuitamente em um posto de saúde.

Havendo resultado negativo para gravidez e os sintomas persistirem, repita o teste em após alguns dias e agende uma consulta com seu médico.
sintomas de gravidez

21 Sintomas de gravidez mais comuns nas primeiras semanas

1 – Atraso da menstruação

Geralmente é quando ocorre o atraso da menstruação que a mulher tem sua primeira suspeita da gravidez. A menstruação ocorre quando não há um óvulo fecundado e implantado com sucesso (nidação), então o revestimento interior do útero (endométrio) onde o óvulo fecundado se implantaria, começa a se subdividir e é expelido.

2 – Corrimento vaginal

Um dos sintomas comuns da gestação é o aparecimento ou intensificação do corrimento vaginal. Este possui aspecto leitoso ou transparente, sem cheiro e espesso. Este sintoma pode persistir por toda gestação.

3 – Sangramento

Entre 6 e 12 dias após a ovulação pode ocorrer um sangramento que, muitas vezes, passa desapercebido ou é confundido com a menstruação, porém é mais claro, em menor volume e com duração mais curta. É conhecido como sangramento da implantação.

O sangramento da implantação, ou seja, da nidação, pode ocorrer durante a implantação do óvulo fecundado (zigoto) no endométrio. Cerca de 30% das mulheres podem apresentar esse sangramento.

Clique aqui para saber como é o sangramento da nidação.

4 – Inchaço abdominal

Outro sintoma muito comum na TPM e facilmente confundido com gestação (ou vice-versa) é o inchaço abdominal, aquela sensação de barriga estufada. Ocorre devido à ação dos hormônios que já estão preparando o corpo para a expansão do útero e que também provocam retenção de líquido.

5 – Cólica

A sensação de peso no ventre ou de cólicas leves são comuns durante a gestação. As alterações uterinas para expansão do útero e acomodação do óvulo são muitas vezes confundidas com cólicas menstruais, porém provocando menos dor e com menor intensidade do que a cólica menstrual.

6 – Aumento da temperatura corporal basal (TCB)

Nas mulheres, a ovulação causa um aumento de 0,2 a 0,5 graus Celsius, temperatura esta que volta a cair perto da data da menstruação. Quando ocorre a fecundação aumenta a produção de progesterona e a temperatura corporal basal também é aumentada, isso ocorre logo nos primeiros dias de gestação.

7 – Dor de cabeça

A gestação causa aumento do fluxo sanguínea e, em algumas gestantes, pode ocasionar dores de cabeça, como que esta estivesse latejando. Uma massagem nas têmporas pode aliviar esse sintoma. Vale lembrar que este sintoma também é frequente na TPM e pode ser facilmente confundido.

8 – Dores nas costas e dor lombar

Geralmente este sintoma ocorre no terceiro trimestre e é ocasionado pelo peso extra e mudança na postura da gestante. Porém algumas mulheres se queixam dessas dores logo no início da gestação. Havendo risco de gestação a mulher não deverá realizar massagens ou tomar medicamentos para aliviar os sintomas.

9 – Sensibilidade e dor nos seios

Os seios podem ficar muito sensíveis e inchados logo nos primeiros dias da gestação, um sintoma comum a muitas mulheres durante a TPM e que confunde bastante as tentantes.

Geralmente esta sensibilidade e inchaço são mais intensos quando se trata de gravidez, pois é o corpo da mulher já se preparando para amamentar. Algumas mulheres só sentirão os seios sensíveis com algumas semanas de gestação.

10 – Auréolas escurecidas e veias mais aparentes

Durante a gestação ocorrem o escurecimento dos mamilos devido ao hormônio melanócito, que estimula a produção de melanina. É o mesmo hormônio responsável pelo aparecimento da linha nigra e daquelas manchinhas no rosto muito comuns em algumas gestantes. Este sintoma é mais comum após a 16ª semana de gravidez, porém podem surgir no início da gestação.

Devido ao aumento do fluxo sanguíneo as veias ao redor dos seios também podem ficar mais aparentes.

11 – Prisão de ventre

A progesterona causa um relaxamento muscular e, infelizmente para as gestantes, também relaxa os intestinos, ocasionando em prisão de ventre durante toda a gestação.

Este é mais um sintoma comum na TPM e que pode ser facilmente confundido.

12 – Aumento na produção de gases

Os hormônios da gestação causam uma digestão mais lenta e prisão de ventre. Com toda essa massa por mais tempo no corpo a produção de gases também aumenta. O resultado indesejado, porém inevitável é a necessidade de soltar gases (pum) e arrotar.

13 – Aumento do apetite e fome fora de hora

Aquela vontade enorme de devorar tudo que vê pela frente pode ser um sintoma de gestação, ainda mais se vier acompanhada de desejos. Vale ressaltar que muitos desejos estão ligados à falta de algum nutriente e nem sempre está realmente ligado à gestação.

Sentir fome em horários incomuns, como madrugada ou logo após a refeição, também é um sintoma conhecido de gravidez.

14 – Vontade frequente de urinar

Logo nos primeiros dias após a implantação a gestante pode sentir vontade de fazer xixi com mais frequência, inclusive de madrugada. Nas primeiras semanas de gestação isso ocorre porque a progesterona também relaxa a bexiga, que não esvazia completamente quando a gestante vai urinar, e pouco tempo depois está com vontade de urinar novamente.

Já no terceiro trimestre a vontade de urinar toda hora volta com força total, pois o feto comprime a bexiga que fica com capacidade reduzida para armazenar urina.

15 – Sono e fadiga

Devido ao aumento na produção de progesterona, a grávida pode sentir, especialmente no primeiro trimestre, muita sonolência. Basta sentar no sofá para assistir televisão que já começa a cochilar, se pegar qualquer congestionamento no trânsito os bocejos aparecem e parecem impossíveis de parar. Fora aquela preguicinha constante que mais parece cansaço.

A boa notícia é que no segundo trimestre esse sintoma tende a diminuir bastante.

16 – Enjoo e vômito

Enquanto algumas gestantes não sentem enjoo algum durante toda a gestação, algumas já começam a sentir logo nos primeiros dias por conta da produção de um dos hormônios da gravidez, o HCG (Gonadotrofina Coriônica Humana) que é responsável por manter a gestação no primeiro trimestre, porém atrasa a digestão.

Os enjoos mais comuns são os matinais – porque o estômago está vazio – e quando se está andando de carro como passageira – nem sempre é o motorista que está mais abusado. Os enjoos tendem a diminuir ou desaparecer após a 16ª semana de gestação.

Clique aqui para ler as dicas para se livrar dos enjoos.

17 – Tonturas e desmaios

Devido ao aumento do fluxo sanguíneo as veias ficam mais dilatadas. Em algumas gestantes isso pode ocasionar queda na pressão sanguínea e causar tonturas e até desmaios.

Outro fator para esses sintomas é a hipoglicemia, ou seja, queda dos níveis de açúcar no sangue. Para evitar esse quadro a gestante deve se alimentar de 3 em 3 horas.

18 – Olfato de super-heroína

Com o aumento da circulação os sentidos também ficam mais aguçados. Um dos que merece destaque é o olfato, a gestante já nos primeiros dias de gravidez, muitas vezes consegue sentir cheiros que antes passavam despercebidos. Alguns cheiros, que antes não incomodavam, podem causar enjoo ou mesmo repulsa.

Cheiros fortes, mesmo os considerados agradáveis – flores, perfumes e comidas – podem causar enjoo ou mesmo repulsa.

19 – Mudança no paladar

Este é outro sentido que também fica mais sensível, podendo causar um gosto metálico constante. Algumas grávidas passam a não gostar mais de alguns alimentos que antes apreciavam, ou mesmo começar a gostar de alimentos que antes não gostava.

20 – Alterações de humor

Muitas vezes pode ser confundido com a TPM, porém as alterações de humor fazem parte da gestação devido às grandes concentrações de hormônios. Durante o início da gestação a mulher fica mais emotiva, pode ter crises de choro e ansiedade, e altos e baixos no humor. Essas alterações ficam mais intensas a medida que a gestação evolui e tende a amenizar no segundo trimestre.

21 – Acne

A intensa produção de hormônios pode resultar no surgimento de acne na gestante, ou intensificação do quadro de acne já existente. Esse sintoma pode durar toda gestação.

Nenhum medicamento para amenizar esse sintoma pode ser utilizado sem a autorização de um médico, pois alguns cosméticos podem conter ingredientes que prejudicam a formação do bebê.

Se você está com algum dos sintomas acima, a próxima etapa é realizar exames que possam confirmar a gestação. Em caso positivo inicie imediatamente o pré-natal.

Você também vai gostar de ler

Teste de gravidez online e grátis
Dicas para engravidar mais rápido – em vídeo

Como saber o dia que engravidei?
Tomar pílula por muito tempo dificulta a gravidez?


Atualizado em 27/01/2017 para atualização de conteúdo

Sobre Almanaque dos pais

Conteúdo produzido pela equipe do Almanaque dos pais.

Veja também

Quando o saco gestacional aparece no ultrassom

O saco gestacional aparece no ultrassom a partir da 5ª semana de gravidez. A presença do saco gestacional e da vesícula vitelina confirma a gravidez.

775 comentários

  1. Parei de tomar Mesigyna em Agosto. Em janeiro desse ano fui para o ginecologista, ele me mandou tomar ômega 3 e progesterona (por conta de cólicas fortes no período menstrual). Comecei a tomar no mesmo mês e fiz uma ultrassom que mostrou estar tudo normal.
    Meu ciclo costuma ser bem regular, acompanho pelo aplicativo.
    Agora em Março, eu e meu namorado tivemos relação no meu período fértil, sem usar preservativo.
    Minha menstrual tá prevista para vir dia 10/04 mas até o momento sem os sintomas normais de quando vou menstruar.
    Únicas coisas que tenho sentido são: Perca de apetite (fazem 3 dias que só consigo comer a noite e por forçar), um pouco de enjôo, tontura (as vezes), cólica, inchaço abdominal, algumas alterações de humor (fico triste do nada e as vezes chorosa ou alegre, mas como tenho depressão, talvez seja por isso).

    Eu espero muito estar, estou aguardando para ver se a menstruação vem para poder fazer algum teste ^^

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.