Home / Papai / Comportamento / Vida Saudável: O grande desafio do século 21

Vida Saudável: O grande desafio do século 21

Olá colegas do Almanaque dos pais, desta vez quem escreve este texto não é apenas o Dr. Marcelo, mas também o pai Marcelo, pois tanto minha experiência no consultório como também minha experiência em casa com meu filho e esposa me fizeram refletir e escrever este texto para tentar alertar e auxiliar nossos leitores sobre um assunto de extrema importância que é nossa própria vida.

Após ver e ouvir tantos relatos de tantas famílias sobre seus hábitos alimentares, seus afazeres diários, serviço, escola, inglês, natação, violão, catecismo, coral, dança, kumon, tarefas, trabalhos, relatórios, metas etc, etc, etc… Comecei a pensar, será que toda essa correria faz bem? Será que essa vida onde cada segundo não pode ser desperdiçado está mesmo ajudando a humanidade ou será que entramos em um colapso social dominado pelo consumismo e esquecemos até mesmo de respirar um pouco?

Muitos pais chegam até mim com filhos obesos e me perguntam, ou melhor, me afirmam: Doutor, meu filho deve estar com alguma doença, pois ele estuda em tempo integral e a alimentação da escola é feita por nutricionista, ele até janta na escola, como pode estar acima do peso? Quando eu digo que a comida das escolas não é tão saudável assim, pois cozinhar para 300 crianças não é fácil e que com certeza a comida tem excesso de óleo e de sal eles ficam estarrecidos.

E ficam mais estarrecidos ainda quando eu digo que alimentação é educação, ou seja, as crianças não nascem sabendo comer, elas precisam aprender, e por isso a responsabilidade direta sobre isso é dos pais. São os pais quem precisam ensinar seus filhos a comerem, sendo assim, os pais precisam saber comer e precisam dar bons exemplos para seus filhos, porém atualmente, na maioria das famílias os pais nem sequer sentam à mesa com seus filhos, cada um se alimenta num horário e não existe rotina.

Ao terceirizar a alimentação da criança, os pais estão delegando a outros uma parte fundamental da educação de seus filhos, por isso acredito firmemente que as famílias deveriam repensar suas rotinas e seu objetivos e deveriam primar pela aproximação de pais e filhos em momentos tão especiais como as refeições.

Outra questão são os exercícios físicos. As pessoas trabalham tanto que “não sobra tempo” para se exercitarem. Colocam as crianças em frente à TV e quanto mais as crianças ficarem entretidas com os desenhos melhor. Com certeza nossas crianças não desenvolverão apreço pelas atividades físicas, pois se acostumarão com o sofá.

Enquanto a criança é pequena, precisamos tirar uma hora por dia para ficar a disposição dela, brincar de jogar carrinhos, esconde-esconde, chutar bola, mesmo que o apartamento seja pequeno, pois para uma criança um apartamento pequeno é quase infinito. Quando mais velhas, podemos levar as crianças para caminhadas, andar de bicicleta, praticar algum esporte.

familia-brincando02-750x500

Porém para tudo isso precisamos de tempo, certo? Errado, precisamos de DISPOSIÇÃO e precisamos acreditar que essas coisas são importantes para nossas crianças, pois basta uma a duas horas por dia de nossa dedicação que coisas boas acontecem.

Pois bem, devido a todo esse cenário de excesso de trabalho, as facilidades da escola tempo integral, do fast-food, do esgotamento dos pais que tem que cumprir metas e mais metas, da desvalorização das atividades ao ar livre, é que considero que o grande desafio da humanidade para o século 21 será manter uma vida saudável. Saudável em todos os aspectos, biológico, mental, social e espiritual.

Portanto vamos parar para refletir sobre a seguinte pergunta: será que a vida que eu e minha família levamos hoje é a que realmente vai trazer felicidade e realizações? Caro leitor, reflita sobre essa pergunta várias vezes, chegue às suas conclusões e corra atrás dos seus sonhos.

Sobre Dr. Marcelo Amaral Ruiz

Endocrinologista Pediátrico. PhD em Saúde da criança e do Adolescente pela USP. CRM-SP: 113266 e Registro de Especialista no CRM-SP 238842. Atualmente trabalha em consultório próprio em São José dos Campos. Contato: (12) 3922-0331

Veja também

Talentos – Comece a libertá-los

Seja sincero: você sente que usa seu talento naquilo que faz? O que você produz …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.