Home / Gestação e parto / O que você precisa saber / Cólica na gravidez | Do Sintoma de Gestação ao Trabalho de Parto

Cólica na gravidez | Do Sintoma de Gestação ao Trabalho de Parto

A cólica na gravidez, apesar de despertar temores, pode acontecer em diversos estágios da gravidez sem que isto represente qualquer complicação.

cólica na gravidez

Cólica na Gravidez – 1º trimestre

A cólica é dos primeiros sintomas de gravidez que a maioria das mulheres sentem, e que pode aparecer antes mesmo do atraso menstrual.

Isto porquê durante a nidação, em que o óvulo fecundado está se implantando na parede do útero, a mulher sente este processo como cólicas ou pontadas na barriga.

A cólica da implantação do óvulo não é intensa, apesar de causar desconforto. Como ela acontece próxima ao período pré-menstrual, é facilmente confundida com a cólica menstrual.

Como diferenciar a cólica da implantação da cólica menstrual

Apesar de muito semelhantes, a cólica da implantação do embrião na parede do útero – endométrio – uma característica que as diferenciam é que a cólica da implantação não é tão intensa e parece como umas fisgadinhas no útero.

Outra característica é que a cólica da implantação não é duradoura, ou seja, ela dói um pouquinho e some, depois volta a doer e some novamente.

Porém se a dor for intensa, é importante procurar por ajuda médica já que pode ser endometriose ou gravidez ectópica.

Cólica na Gravidez – 2º e 3º trimestre gestação

No segundo e até mesmo no terceiro trimestre de gravidez, é comum sentir cólicas, já que o útero é um músculo que está sendo pressionado para que cresça e acomode o bebê.

Todo este estímulo que o útero recebe para crescer, unido aos órgãos que estão sendo pressionados, causam cólicas.

Se as cólicas vieram acompanhadas de dor intensa ou sangramento, procure por ajuda médica imediatamente!

Cólica na Gravidez ou Braxton Hick (contrações indolores)

Durante toda a gravidez o útero faz um treinamento para o parto, as chamadas Braxton Hicks, que são contrações indolores e que podem acontecer a qualquer momento.

Durante estas contrações a barriga fica dura e pode causar desconforto (não causa dor), mas ela é completamente diferente da cólica, que não causa o enrijecimento do útero.

Cólica na Gravidez ou Trabalho de Parto

Quando o trabalho de parto começa, as contrações são mais espaçadas e vão ficando cada vez mais frequente e duradouras.

No início do trabalho de parto as contrações são sentidas como as cólicas, mas elas ficam um pouco mais concentradas nas costas ânus e até mesmo ombros. Apesar dessas cólicas serem fortes, elas ainda não são intensas, o que vai acontecer após já haver dilatação (clique aqui para saber mais).

No segundo estágio do trabalho de parto a dor não mais se parece com cólica, já que também está acompanhada de uma necessidade de fazer força.

Veja este conteúdo em vídeo:

Você também vai gostar de ver:

Tampão Mucoso e a Perda do Tampão Mucoso – em vídeo
É normal vazar leite do seio durante a gravidez?
Regras para visitar bebê recém-nascido e dicas de presentes
Mudança de lua influencia no trabalho de parto?

Sobre Almanaque dos pais

Conteúdo produzido pela equipe do Almanaque dos pais.

Veja também

Todas as vacinas que grávida precisa tomar

A Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) possui um calendário com todas as vacinas que grávida …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.