Home / Gestação e parto / O que você precisa saber / Porque a Data do Parto (DPP) do médico e do ultrassom não batem

Porque a Data do Parto (DPP) do médico e do ultrassom não batem

A data do parto informada pelo médico é uma, a do ultrassom é outra, e agora?

Foto: Reprodução by www.diyhealth.com

Esta situação é muito mais comum do que você imagina, isto porquê o médico utiliza as informações que você passou para estimar a Data Provável do Parto (DPP), enquanto o ultrassom utiliza medidas como a distância entre cabeça e bumbum do bebê para estimar sua idade e, assim, resultar em uma data de parto.

Qual data do parto devo confiar, a do médico ou a do ultrassom?

A do médico! O ultrassom não considera seu histórico pessoal e observa apenas as medidas que foram observadas e inseridas em uma fórmula padrão. Todos os fatores genéticos podem influenciar para mais ou para menos na hora de datar a idade gestacional e somente quando através do seu histórico não é possível descobrir a idade gestacional, a DPP do ultrassom é considerada.

Nas 12 primeiras semanas de gravidez os bebês se desenvolvem de forma similar, então estimar a DPP através do ultrassom é mais confiável, após 13 semanas que é quando o ultrassom começa a perder sua eficácia para estimar a data do parto, podendo “errar” mais de 7 dias para mais ou para menos na Data Provável do Parto.

Como o médico descobre a Data do Parto

Em todo o mundo a gravidez é contada em semanas e a gravidez completa dura 40 semanas, sendo o primeiro dia aquele que começou sua última menstruação, que é quando o corpo da mulher começa a se preparar para gerar uma vida.

Como os ciclos menstruais não são idênticos, variando principalmente entre 26 e 30 dias, para estimar a Data Provável do Parto, muitos médicos obstetras utilizam uma regra chamada Naegele, em que considera a data da última menstruação como base, subtrai 3 meses e soma 1 ano e 7 dias (para ciclos de 28 dias).

Por exemplo:

Data da última menstruação: 01 de agosto 2017
01 de agosto – 3 meses = 01 de maio 2017
01 de maio de 2017 + 1 ano = 01 de maio de 2018
01 de maio + 7 dias = 08 de maio de 2018
Então a Data Provável do parto = 08 de maio de 2018

Caso a mulher tenha ciclo de 30 dias, ao invés de somar 7, deve-se somar 9 dias.
Caso a mulher tenha ciclo de 26 dias, deve-se somar 5 dias, e assim por diante.

Apesar de apenas 10% das gestantes realmente darem à luz no dia da Data Provável do Parto, esta informação é essencial para programar as datas dos exames (especialmente os ultrassons morfológicos do 1º trimestre, do 2º trimestre e do 3º trimestre).

Não sei a data da última menstruação, mas sei a data da relação sexual, e agora?

Quando não se sabe a data da última menstruação, mas conhece a data da relação sexual, então deve-se subtrair 14 dias da data da relação sexual e considerar este o primeiro dia de gestação.

Por exemplo:

Data da relação sexual: 20 de agosto de 2017
20 de agosto – 14 dias = 06 de agosto de 2017
1º dia de gravidez = 06 de agosto de 2017

*Este cálculo também é útil quando é realizada a Fertilização in Vitro e a mulher está sem menstruar. Porém deve-se considerar também os dias de desenvolvimento dos embriões em laboratório (geralmente de 3 a 5 dias até a data da implantação).

Quando a Data Provável do Parto do ultrassom é util?

Esta informação não deixa de ser importante para o obstetra por várias razões:

– Mulher com ciclo menstrual irregular: quando o ciclo menstrual é irregular e não se conhece a data da ovulação, o ultrassom é o melhor método para estimar a Data Provável do Parto. Lembrando que ele é mais assertivo até 12 a 13 semanas de gravidez porque até então os bebês se desenvolvem de forma muito similar, e após 13 semanas os fatores genéticos influenciam no tamanho e desenvolvimento do feto.

– Para acompanhar o tamanho do bebê: Em todo ultrassom o médico avalia o tamanho do fêmur do bebê e, através de algumas fórmulas, chega-se a uma idade de gestação estimada. Se você está com 18 semanas e o ultrassom aponta que você está com 21 semanas, o obstetra entende que o bebê é comprido, e isto não representa qualquer problema no desenvolvimento.

Calculadoras da Data do Parto

Você não precisa quebrar a cabeça para descobrir sua DPP, concepção ou até em que semana gestacional você está, utilize uma das calculadoras do Almanaque dos pais clicando nos links abaixo:

Calculadora da concepção

Calculadora gestacional

Sobre Almanaque dos pais

Conteúdo produzido pela equipe do Almanaque dos pais.

Veja também

Quanto tempo dura a nidação?

A nidação é um processo mágico e ainda bastante enigmático para a ciência. Nele, o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.