Home / Mamãe / Comportamento / Sexagem fetal, o exame de sangue para descobrir o sexo do bebê

Sexagem fetal, o exame de sangue para descobrir o sexo do bebê

Descobrir o sexo do bebê somente na hora do parto virou raridade, a grande maioria dos casais preferem saber o quanto antes se estão esperando por um menino ou menina, tanto para já começar a pensar no enxoval e decoração do quarto, quanto para começar a decidir o nome do herdeiro. Para os casais que não aguentam esperar até a 16ª semana de gestação, quanto já começa a ser possível descobrir o sexo através do ultrassom (desde que a posição do bebê colabore e o equipamento seja bem moderno), existe a opção do exame de sangue chamado Sexagem fetal.

Foto: Reprodução www.lifeofhmv.com
Foto: Reprodução www.lifeofhmv.com

Quando posso realizar o exame da sexagem fetal

A partir da 8ª semana de gestação o exame da sexagem fetal já pode ser realizado com uma margem de acerto acima de 99%, ou seja, uma margem muito pequena de erro e que pode ser ainda menor dependendo do laboratório que irá realizar a análise.

Como funciona o exame da sexagem fetal

É coletada uma pequena quantidade de sangue (cerca de 20ml) da gestante para análise do DNA. Não é necessário nenhum preparo como jejum, dieta ou restrições para a mamãe.

Toda pessoa do sexo feminino possui 2 cromossomos sexuais “X“, enquanto o homem possui 2 cromossomos sexuais diferentes, um “X” e um “Y“.

A partir da 8ª semana de gravidez o sangue do bebê já está circulando junto com o da mamãe, ou seja, coletando o sangue da gestante é possível analisar se há qualquer cromossomo “Y” circulando, o que indica que o bebê é do sexo masculino. A ausência do “Y” indica que o bebê que está sendo gerado é do sexo feminino.

O exame da sexagem fetal funciona para gêmeos?

Quando a gravidez é de gêmeos idênticos – que compartilham a mesma placenta – a probabilidade de acerto continua a mesma (acima de 99%), pois os bebês serão do mesmo sexo.

Já para gravidez de gêmeos bivitelinos, ou seja, de óvulos e espermatozoides diferentes, o exame será menos preciso em alguns casos:
Se não for encontrado o “Y”, quer dizer que todos os bebês são do sexo feminino.
Se for encontrado o “Y”, quer dizer que pelo menos 1 dos bebês é do sexo masculino.

Casos em que a sexagem fetal não é recomendada

Em alguns casos o exame irá encontrar sempre o cromossomo “Y”, mesmo que a mulher esteja grávida de menina, interferindo no resultado da sexagem fetal.

Os casos em que o exame não é recomendado são:

  • Mulheres que já receberam transfusão de sangue de um homem(mesmo que muito antes da gestação);
  • Mulheres que já tenham transplantado órgão de um homem;
  • Mulheres que se submeteram a procedimentos de hiperovulação e/ou fertilização in vitro (FIV), pois pode-se ter gerado bebê do sexo masculino que não sobreviveu (até 2 semanas após o abordo o DNA poderá estar presente no sangue da gestante). (Fonte: Hospital Sírio Libanês /SP)

Quanto custa o exame de sexagem fetal?

O valor do exame varia entre laboratório e não faz parte da cobertura de convênios de saúde. O valor médio fica entre R$ 300,00 e R$ 500,00 (valores em fevereiro de 2015) e geralmente é solicitado o agendamento junto ao laboratório para organização da coleta e assinatura de contrato.

Para a realização da sexagem fetal não é necessário pedido médico, e o prazo médio para entrega dos resultados é de 1 semana.

Você também vai gostar de ler:

Tabela chinesa da gravidez para saber o sexo do bebê

 

Clique na semana de gestação abaixo e acompanhe a sua Gravidez Semana a Semana com o Almanaque dos pais

Sem. 01 Sem. 02 Sem. 03 Sem. 04 Sem. 05 Sem. 06 Sem. 07 Sem. 08 Sem. 09 Sem. 10
Sem. 11 Sem. 12 Sem. 13 Sem. 14 Sem. 15 Sem. 16 Sem. 17 Sem. 18 Sem. 19 Sem. 20
Sem. 21 Sem. 22 Sem. 23 Sem. 24 Sem. 25 Sem. 26 Sem. 27 Sem. 28 Sem. 29 Sem. 30
Sem. 31 Sem. 32 Sem. 33 Sem. 34 Sem. 35 Sem. 36 Sem. 37 Sem. 38 Sem. 39 Sem. 40

Sobre Almanaque dos pais

Conteúdo produzido pela equipe do Almanaque dos pais.

Veja também

Como realizar corretamente a higiene íntima da mulher

Realizar corretamente a higiene íntima da mulher é fundamental também para as tentantes, gestantes e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.