Home / Colunistas / Dra. Claudia Hakim / Presença com Afeto na Primeira Infância deixa Crianças mais Inteligentes

Presença com Afeto na Primeira Infância deixa Crianças mais Inteligentes

Presença com Afeto na Primeira Infância deixa Crianças mais Inteligentes

Vocês acreditam que o carinho e a presença dos pais é capaz de mudar o funcionamento de certas estruturas cerebrais responsáveis pela inteligência e a aprendizagem?

afeto na primeira infância

Foto: FreeDigitalPhotos.net

Pois saibam que já temos acesso a estudos científicos que comprovaram que  o amor (leia-se a presença da mãe, com afeto e atenção) é capaz de modificar estruturas cerebrais deixando-a mais inteligente!

Nesta semana, tive acesso a um artigo acadêmico que, em resumo, nos relata que cientistas do Departamento de Psiquiatra da Universidade de Medicina de Washington (veja artigo técnico original, de Jan 2016, em língua inglesa, aqui[1]) afirmam que tratar uma criança com amor e presença, em seu o início da vida, pode ajudá-la a  se desenvolver melhor, ativando de forma mais eficiente o seu hipocampo (que é a estrutura do cérebro associada ao aprendizado, à memória e à resposta ao estresse), sendo verificado nas crianças de mães presentes e amorosas volumes do hipocampo 10% superiores aos de  crianças cujas mães não eram tão presentes !

Durante esta semana, eu vinha pensando no artigo que eu escreveria para a minha coluna e sobre o que eu abordaria, quando me deparei com uma cena banal, porém comovente, e que me inspirou a fazer este artigo : Eu fui buscar um coleguinha do meu filho, que é uma criança extremamente doce e meiga (sabe aquelas crianças que você sente vontade de esmagar, quando conhece ? Então, este menino é assim !..rs) para vir brincar em casa, quando notei a forma super afetuosa, que a mãe dele se despedia dele. Era uma despedida comum, pois ele só vinha brincar na minha casa. Mas, o carinho que aquela mãe empregou, naquela momento, expressava bem mais do que uma simples despedida. Aquela cena demonstrava o quanto aquela mãe amava aquele seu filho. Certamente que aquela criança se sentia amada. Por coincidência, o menino não somente é muito meigo e doce, como também muito inteligente. Aquilo me comoveu e resolvi falar sobre este assunto. E, ao que me pareceu mais do que uma simples coincidência, hoje recebi o referido artigo, que me trouxe esta pesquisa científica, que comentei acima.

Além disso, várias pesquisas acadêmicas também comprovaram que crianças criadas em um ambiente acolhedor – de presença e afeto – de uma forma geral, demonstram ser melhores alunos e são emocionalmente mais desenvolvidas do que seus coleguinhas que não possuem esta presença familiar regada de amor.

O que tem estas pesquisas de tão extraordinário, vocês devem estar pensando ! Até hoje, sempre se associou e se relacionou o afeto empregado pela mãe a seu filho ao melhor desenvolvimento emocional daquela criança. Mas, nunca se associou o afeto a um melhor desenvolvimento cognitivo ! Logo, podemos pressupor que afeto e cognição andam juntos !

 Se alguém, até hoje, tinha alguma dúvida sobre a importância do afeto e da presença dos pais, na vida de uma criança, em seu início de vida (e, acredito eu que, por toda a vida !), agora, temos muitos mais motivos para fazer com que isto ocorra ! Por falar nisso, você já beijou e abraçou seu filho hoje ?

[1][1] http://www.pnas.org/content/113/20/5742.full

 

Sobre Claudia Hakim

Advogada Especializada em Direito de Educação e Especialista em Neurociência e Psicologia Aplicada Autora do Blog e grupo no Facebook voltado para a Educação de Crianças Superdotadas : “Mãe de Crianças Superdotadas : www.maedecriancassuperdotadas.blogspot.com Membro Fundadora do Instituto Brasileiro de Superdotação e Alterações do Neurodesenvolvimento (IBSDND) Contato : claudiahakim@uol.com.br/ Fone : (11) 35113853

Veja também

Como está a polêmica da Data de Corte no Estado do Pernambuco?

Meus leitores que aqui acompanham a minha coluna sabem que tenho acompanhado constantemente as Resoluções, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.