Home / Colunistas / Dra. Genevieve Coelho / 4 mulheres engravidam após técnica para rejuvenescer o ovário

4 mulheres engravidam após técnica para rejuvenescer o ovário

Permitir que um ovário envelhecido seja capaz de ovular novamente poderia ser a solução para engravidar no caso de menopausa precoce ou também para reverter o envelhecimento natural deste órgão, que é acelerado a partir dos 35 anos e provoca que 10 anos mais tarde, com 45 anos, a maioria das mulheres já não consegue engravidar naturalmente.

rejuvenescer o ovário

Atualmente nas clínicas de reprodução humana da Europa, metade dos tratamentos para engravidar são realizados com óvulos doados. A idade média das pacientes mundialmente é de 39 anos, algo muito parecido com a realidade na nossa clínica no Brasil. Muitas pacientes a partir dos 40 anos precisam de óvulos doados, ou porque já não estão ovulando ou porque os óvulos que possuem apresentam alterações genéticas que impendem a gravidez.

O professor Antonio Pellicer, presidente fundador do Instituto Valenciano de Infertilidade (IVI) apresentou duas técnicas de linhas de pesquisa científica em desenvolvimento durante o 7º Congresso IVI, em Bilbao, na Espanha, uma delas, em conjunto com o Hospital La Fé de Valencia, já conseguiu que pacientes engravidassem naturalmente após o tratamento realizado com o transplante de medula óssea.

Como é possível rejuvenescer o ovário?

Existem várias equipes de cientistas pesquisando como fazer com que o ovário, órgão responsável pela ovulação, reverta o processo de envelhecimento e consiga ativar os “óvulos adormecidos”, que são aqueles que permanecem no ovário, mas não se desenvolvem, mesmo com o estímulo de medicamentos.

Quando as pacientes não estão ovulando bem é realizado um tratamento de estimulação ovariana com medicamentos hormonais para ajudar no desenvolvimento dos óvulos, porém a eficácia desse tratamento vai diminuindo com o avanço da idade materna ou a consequência da menopausa precoce, que atinge cerca de 1% das mulheres.

Por que é difícil engravidar após os 40?

Antes mesmo de nascer as mulheres já possuem seu estoque de óvulos para a vida inteira. Centenas de óvulos se perdem antes mesmo da mulher atingir a puberdade e, quando inicia a vida fértil, o corpo feminino prioriza liberar primeiro os melhores óvulos, enquanto os considerados de menor qualidade permanecem e vão envelhecendo, o que afeta ainda mais sua capacidade de gerar um bebê saudável. O resultado dessa seleção natural são menos chances de engravidar na medida em que a idade avança e mais riscos de aborto e problemas genéticos nos descendentes.

A diminuição da fertilidade natural das mulheres normalmente começa a partir dos 35 anos, nesta idade a maioria não terá problemas para engravidar, no entanto a cada ano as chances serão menores e os riscos serão maiores.

 Você também vai gostar de ler:

A Melhor a Idade para Engravidar
Chá de inhame para engravidar, mito ou verdade?
Calendário de ovulação
10 mitos sobre a fertilidade

Sobre Almanaque dos pais

Conteúdo produzido pela equipe do Almanaque dos pais.

Veja também

Gravidez na adolescência

Conheça os riscos da gravidez na adolescência, como agir, apoio emocional, ajuda profissional e prevenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Selecione a opção desejada para ser notificado sempre que um novo comentário for publicado ou quando houver uma resposta para seu comentário.